terça-feira, 29 de março de 2016

Semana santa!

Nem coelhinhos e nem ovinhos de chocolote ( menos mal!) . Aqui a familia nao é muito ligada as datas e celebrações nos dias oficiais, assim que na semana santa nos mandamos com a motorhome por ai...fomos bordeando a costa e chegamos até a França.

Não me canso de repetir, adoro viajar com a familia, adoro viajar com Maia e ve como ela disfruta de tudo novo. Mas também tem o outro lado:  a saída da rotina. Geeennteee , porque isso? Porque as crianças sao assim? Maia dorme normalmente de 21:20 ate as 7:15....mas nao teve santo que desse jeito,  nessa viagem só dormia as 22 e as vezes 22 e algo! UUffff, ja sabemos como vai a coisa quando ela nao dorme,ne? Todos os dias tivemos momentos de muita birra!!

Mas a verdade é que a viagem foi maravilhosa. Maia conheceu a neve!! E que felicidade ao ver a neve! Claro, Pepa Pig também brinca na neve, então ela estava se achando a Pepa Pig! Mas também tivemos a pior de todas as birras nessa neve, hora do sono chegando, boneco de neve quedrando e Maia esperniando..voltamos para a motorhome e baixa baixo os 12 km de estradinha de montanha cheia de curvas e freios cheirando a queimando, ESPERNIANDO atras! Juro, juro , juro que eu queria enterrar ela na neve se pudesse! kkkkkk

Não, eu não sou má, eu sei que era sono...mas sabe qual foi a graça? Quando descemos toda a montanha e paramos a motorhome para dar a comida a ela e colocar para dormir, vocês sabem o que ela fez? Exatamente, ficou brincando e nao quis dormir! É assim...vida que segue!

Mesmo tão pequena eu acho que as viagens fazem muito bem a Maia. Parques desconhecidos, gente desconhecida e ela interagindo com todos, com o mundo.

Agora estamos de volta e também felizes, o retorno a escola foi com alegria (juro que morria de medo de ser chororô) e voltar a rotina também esta bem..., eu brinco que sempre sinto falta da escola nos fins de semana, mas a verdade é que mesmo com todas as birras e dificuldades nessa viagem eu nao senti falta nenhum...o tempo passava super rapido andando por ai parques afora! Certeza que nao nos acomodaremos por muito tempo parados, porque a nossa rotina é viajar!

Cangas de Onís (Picos da Europa)








Lagos de Covadonga



quarta-feira, 16 de março de 2016

Prós e contras da maternindade!

Vamos la... se colocamos os "prós" e os "contras" juntos, vale mesmo a pena?

Começamos sempre pelo ruim, não é mesmo? Primeiro filme:

"10 coisas que eu odeio em você" :

1- Você nunca mais toma banho sossegada ( essa historia de nunca mais dormir sossegada é mentira, hoje em dia Maia dorme de boa umas 10 horas seguidas e eu também! rsrsrs)

2- O que sua mãe se matou de ensinar a você quando você era pequeno, você vai aprender é agora : a dividir! O café, o banho, a tv....O TEMPO

3- Nem todo mundo tem bebes que "só" comem, dormem e cagam...eles também choram e você nao sabe bem o porquê e muitas vezes não é aquela super mãe que consegue acalmar.

4- Dar o peito PODE doer, e dar o peito consome muito mais do seu tempo do que você imagina.

5- Aquelas fotos de brincadeira do facebook, de mães sem tomar banho e descabeladas, não é nada exagero! Principalmente de 0-3 meses do bebê.

6-Parir de forma natural doí e PODE demorar muito.

7- O corte da cesária também dói, isso dizem.

8- O núcleo familiar se desequilibra e você e seu companheiro tem que buscar novamente esse equilibrio...

9- A família ajuda, e se agradece! Mas dá muitos palpites que sua cabeça ferve só em ouvir " eu fazia/faria/fiz/acho que você deva fazer assim" ou o "porque você não faz assim?"

10- A casa esta SEMPRE desarrumada.



Segundo filme:

" Como se fosse a 1º vez"

1- O sorriso....ahh aquele sorriso olho no olho e o reconhecimento de que você é o TUDO dele.

2- A corrida para suas pernas e maozinhas abraçando apertado quando sentem um "perigo"

3- O beijo inesperado ("pequenito ou muy grande"?)

4- O "mãe, senta aqui para brincar comigo!" ou

    - Filha, quer ver desenho um pouquinho? ( Na tentativa de que ela fique quieta e te deixe fazer algo da casa)
    - Sim, com a mamãe!

5- Os braços abertos se jogando do colo de quem for (pai, avó, tio, amigo...) para você! DESCULPE AI GALERA!!!

6- O "ti amu", te quiero, "ailovu"

7- O "igual a mamãe" ( cabelo, roupa, maneira de sentar..tudo quer fazer igual)

8 - A maozinha no peito enquanto mama...

9- As madrugadas a dois...

10- O "mamãe ta deliciosuuuu" ( e come a comida que você fez muitas vezes cansada e de mal humor, com um gosto que faz você esquecer tudo! ).


E eu poderia escrever muitos e muitos mais prós e mais contras, a cada fase a coisa muda. Mas posso falar que das fases que eu ja passei. As piores sao os 3 primeiros meses, porque é muito trabalho e tudo muito novo, e a segunda pior é quando você tem que educar de verdade....ai é uma luta diaria!!! Mas sim, essa luta, essa guerra , vale muito a pena! Nessa guerra nao existe ganhador e nem perdedor....o amor sempre vence! rsrsrs


Acabou a folga! Bjsss

BOM DEMAIS!

RUIM DEMAIS!

ATÉ PARECE SANTINHA...

ELA TEM MAIS VIDA SOCIAL QUE VOCÊ!

MAMÃE CONTRA A COCÓ!

EU NÃO POSSO SENTAR NO SOFA QUE LA VEM ELA!

ADORO QUANDO DORME.. E QUANDO DORME ASSIM...rsrsrsr

AMO ESSE CHULÉ!




quinta-feira, 10 de março de 2016

Não puxe a minha roupa!

Maia começou a falar muito cedo ( com 1 ano e tres meses), então muito cedo ela começou a pedir as coisas e dizer o que queria. Por um lado, muito bom porque é um alivio saber o que eles querem ou estão sentindo. Mas por outro, como ela é pequena e a arte de esperar é difícil de aprender ( e de ensinar!), muitas vezes eu acabava dando o que ela queria para que ela literalmente calasse a boca. Porque Maia é uma menina bastaaaaante insistente.

Não estou falando de dar tudo o que quer quando faz birra...estou falando de diversas situações tipo:

1- Estou tomando banho e Maia no banheiro futucando tudo e pede o sabão liquido, eu dou, para que ela cale e me deixe limpar minhas partes íntimas tranquilamente! rs

2- Estou arrumando as roupas no armario dela, e Maia ali, do lado da minha perna futucando tudo e perguntando quinhentas vezes " o que é isso?" , até que vê algo que gosta e pede sem parar...eu dou para que ela me deixe arrumar a roupa em paz.

3-Estou cozinhando e Maia uma vez mais, futucando tudo e pede uma panela e uma colher, eu dou , para que ela não me faça trocar os sal pelo açúcar !

Gente, e que coisa insuportável é menino puxando sua calça e chamando "mãe, mãe, mãe" sem parar! Isso me deixa extremamente irritada! Sou capaz de dar pimenta se tiver me pedindo pimenta, mas por favor, nao puxe a minha roupa, Maia!!!!

E nessa dinamica de dar o que ela quer para ela deixar que eu faça as coisas sem ter um disco arranhado na minha cabeça, Maia é uma menina que não sabe esperar. Muitos adultos nao sabem até hoje...nao vou pedir que a minha filha de 2 anos saiba, ne? rs Mas nunca é tarde para aprender, e agora estamos ensinando a ela aprender a esperar e brincar com as coisas dela , no lugar dela ou quando pode, ajudar a mamãe a fazer as coisas. Nada fácil!! rs

Que não é nada fácil, todos os pais descobrem no 1º segundo de vida do filho, mas também nao é um bicho de 7 cabeças...é opção!  Mas mesmo optando por ter filhos temos o direito de reclamar e "nos queixar" de vez em quando, não é não? Afinal...sempre andamos nos queixando de qualquer coisa...maniazinha difícil de parar! rs



Mas famos lá...#vidaquesegue!

Deixo umas fotinhas de vida de mãe....bjs! Fuiz!

O zap zap ja não é mais secreto!

Exercícios sempre com companhia!

Aquela cervejinha no bar é com ela!

Birras ( que por coincidencia significa cervejas em espanhol) também é o com ela! rs

Nunca mais você vai ir no banheiro sossegada...porque agora que ela tem pinico e "Yo também voy" !

E até o cafezinho no bar....menos mal que peço descafeinado!rs






terça-feira, 1 de março de 2016

Viajar é preciso...

O legal do “mundo motorhome” é que no final das contas todo mundo é “estrangeiro”. Quem tem motorhome e viaja sempre ,normalmente, é gente que eu chamo de“gente de passagem”. Digo isso porque ao ser estrangeira, as vezes me canso muito de responder as mesmas coisas quando conheço alguém novo. “O Brasil está crescendo muito, ne?” ou “E é perigoso como a gente vê na televisão”.  Essas são as mais comuns, não posso reclamar, em 1999(2000?) eu fiz um intercambio para os USA e ali me perguntavam se eu via macacos na minha janela....

Mas sim, cansa. Assim como cansa quando vou para o Brasil e as pessoas me perguntam como é aqui! Calma ”tivós” de Maia, para vocês responderemos sempre e com um sorriso! Falo das pessoas que nem me conhecem...dos curiosos de nascença.

Então andar por ai com a motorhome é ser turista e não ser, simplesmente perguntando de onde você vem e para onde vai, do resto conversamos de tudo um pouco. São pessoas abertas, prestativas ( todo mundo se ajuda porque todo mundo sabe o que é precisar de sal e ter que guardar tudo na motorhome para andar uns 10km para comprar 1 kg de sal sendo que você só precisava de uma pitadela). E tenho a sorte de ter um marido bem simpático! Sim, eu não sou a máxima simpatia de cara, sou mais , mas bemmmm mais reservada que David. Já cansamos de esquentar mamadeira de Maia em bares, pedir para esquentar a papinha e sentar e pedir um café e ficar horas e horas no bar porque lá fora chove e Maia já estava entediada! Hahahha

Esse assunto me veio a cabeça porque conheci uma menina super legal, brasileira, morava em Barcelona com o marido inglês e pegaram a motorhome dos pais dele que estava paradona e partiram para uma viagem de 1 ano...foi por meio do Instagram que começamos a nos falar e como ela estava “ de passagem” parou por aqui, sentamos para tomar um longo café e o papo foi muito bom e sobre tudo! Justamente o que eu falava, ela só veio me perguntar de onde eu era do Brasil já quase no final de tudo! Hahaha

Deixo aqui o link do blog dela, ela vai viajando,contando e cozinhado! Tem receitinhas massa! Apareço la no Resumo da semana de 21 a 27/fev! 


E eu , sempre que vou por ai, fico pensando cá com meus botões....as pessoas precisam comprar menos e viajar mais! Traz leveza a alma, não precisa ser para longe, nem com motorhome....viajar é simplesmente viver experiências e isso é sempre, sempre um grande aprendizado!

FICA A DICA!!


Acabou a folga! Fuiz! Bjsss

Deixo fotiñas das amizades " de passagem " mas para a vida inteira!

Ainoa, amor a primeira baba!






Thcau! Vou explorar!

E no surfcamp do papai ela conhece é gato e cachorro!!!